A Acompanhante / The Escort

13 Oct 2020

Desesperado por uma boa história para relançar a sua carreira, um jornalista viciado em sexo mergulha no mundo das acompanhantes de luxo quando começa a acompanhar uma escort que estudou e se formou em Stanford.

A Acompanhante (no original: The Escort) é um filme independente lançado em 2016, dirigido por Will Slocombe e interpretado por Michael Doneger e Lyndsy Fonseca. Segundo Will Slocombe, a ideia para escrever e dirigir este filme surgiu numa altura em que um amigo seu namorava e vivia com uma stripper, o que levou Will a imaginar como seria ver-se nesta situação, mas com uma pequena diferença: e se ao invés de stripper, ela fosse acompanhante de luxo?

O resultado foi um filme muito bem recebido pelo público em geral, sendo até nomeado para o Festival de Cinema de Los Angeles.

Relativamente ao enredo do filme, este trata da vida de uma acompanhante de luxo – Natalie – e de um jornalista viciado em sexo – Mitch – cuja vida está completamente virada do avesso devido à sua adição. Esta adição leva a que os caminhos de Mitch e Natalie se cruzem acidentalmente e criem uma relação com base no interesse mútuo: Mitch necessita de uma boa história para relançar a sua carreira e Natalie necessita de proteção após uma experiência aterrorizante com um cliente. A partir daqui a história vai-se desenrolando ao longo do filme, deixando o telespectador completamente agarrado ao ecrã.

Este filme mostra-lhe de forma elaborada diversos aspetos do que é a vida de uma acompanhante de luxo: o que é ser uma, como é a sua vida “fora do trabalho”, como é a sua vida “durante o trabalho”, quais os riscos a que estão expostas, mas acima de tudo mostra o lado humano dessas acompanhantes. Tudo isto para mostrar ao telespectador que, apesar de ser uma profissional do sexo, esta pessoa também é uma mulher, um ser humano, uma pessoa com educação, estudos e sentimentos.

Ao mesmo tempo aborda também uma temática igualmente interessante: o vício por sexo e quais as consequências que isso pode trazer para a nossa vida.

Se ainda não teve oportunidade de ver o filme, aconselhamos vivamente a que o faça, pois desta forma entenderá muito melhor estes e outros aspetos relacionados com o mundo do sexo e das acompanhantes de luxo no geral.

De que está à espera? 

   

 

Artigos Recentes